Must go: Londrina/PR

Meu coração aperta só de lembrar dos dias deliciosos que passei nessa cidade linda e acolhedora ❤ Londrina é a quarta maior cidade do sul do Brasil, um tanto quanto distante da capital do estado, Curitiba, mas não deixa a desejar em nada. Fiquei impressionado com a organização e limpeza das ruas, sem falar na educação das pessoas. E opções do que fazer não faltam!

Comece o dia passeando pelo Jardim Botânico, depois uma parada na Pátio San Miguel para fazer um lanche, termine a tarde apreciando o pôr do sol no Lago Igapó e à noite, bons drinks no Oficina Bar. Esse seria um ótimo roteiro para um dia em Londrina. Só escrever já me fez suspirar… Suspirei de saudade, suspirei com as boas lembranças…

O Jardim Botânico de Londrina é uma das mais importantes unidades de pesquisa e conservação de espécies nativas e exóticas no Paraná, com mais de 1 milhão de metros quadrados de mata nativa, nascentes e rios. Vale a pena a visita!

img_6315
Vista aérea do Jardim Botânico

Pátio San Miguel é uma lanchonete/confeitaria incrível, com uma variedade enorme de doces e salgados (dá água na boca só de lembrar), tanta opção maravilhosa que a gente fica sem saber o que escolher! Fica aberta até às 23h nas segundas e terças e 24h o restante da semana, maravilhoso né? Bateu aquela larica no meio da noite ou saiu da balada faminto? Já sabe pra onde correr!

san miguel
Escolher a sobremesa na Pátio San Miguel não é tarefa fácil!

O Lago Igapó é um dos principais cartões postais da cidade devido ao seu espetacular espelho d’água. É uma das mais belas áreas de lazer de Londrina, com ciclovia e jardins em suas margens, e sua extensão abrange diversos bairros da cidade. O pôr do sol ali é um espetáculo à parte. Uma boa pedida é o açaí e os sucos (pra quem, assim como eu, não gosta de açaí) do Green Açaí, na orla.

11330744_693140427475422_1255951140_n
Pôr do sol no Lago Igapó

Oficina bar é um pub alternativo que tem uma carta de drinks variada a preços acessíveis e uma programação de música diversificada. O ambiente possui uma decoração bem descolada e um clima super descontraído. Uma ótima pedida pra curtir uma música e tomar umas. Sugiro experimentar o Mojito da casa.

HuTi2UtFF31u4hcJc7sLITUVOXkJfOneQ9p5du7i6r4=
Oficina Bar

Mas um dia é muito pouco nessa cidade que vibra durante o dia e pulsa à noite. Como opções do que fazer não faltam, seguem mais umas dicas valiosas.

Tem que dar uma volta pelo calçadão da cidade, é lindo! Lá tem réplicas das cabines telefônicas de Londres que dão um charme à cidade. Os táxis são vermelhos, coisa mais linda! Dá até vontade de deixar o Cabify de lado um pouquinho. Rs

img_6316
Calçadão de Londrina

Outro lugar que vale a pena dar uma passada é a praça Tomi Nakagawa, uma praça com decoração japonesa que faz referência à imigração na cidade. O nome é uma homenagem à Tomi Nakagawa, última sobrevivente do navio Kasato Maru, primeira embarcação com imigrantes japoneses a aportar em Santos, São Paulo, em 1908. Tomi morou em Londrina e faleceu em 2006.

img_5518
Praça Tomi Nakagawa

Para quem, assim como eu, não dispensa uma cerveja gelada e barata: Maria Vai Cazoutras Lounge Bar. É um bar friendly super gostosinho e aconchegante, e ainda tem ótimas opções de tira-gostos pra acompanhar, como a calabresa acebolada (salivei aqui kkk).

Tem que experimentar: bolinho de feijoada recheado com queijo no Confraria 115 (mais um bar 😅). Lá tem outras inúmeras opções de bolinhos que são uma experiência gastronômica, digamos assim rs.

Calma que também tem night gay, tem o Narciso Club e NY lounge. Me pareceram boas opções, mas como não tive tempo de ir, não posso falar muito. Mas estão na lista pra próxima parada em Londrina.

Se o seu negócio é fazer shopping, se joga no Catuaí Shopping. Opção é o que não falta por lá. Aproveite para assistir um filme com pipoca na sala VIP do cinema, garanto que não vai querer que o filme acabe nunca mais (mesmo sendo ruim 😅).

E se tiver com um tempinho sobrando, vá conhecer Rolândia, uma cidadezinha super charmosa a 22km de Londrina. Dá para ir de carro, de uber e até de ônibus. Lá, visite a igreja São Rafael (a estradinha até lá é simplesmente maravilhosa) e a Chácara Rolândia, que fica logo na entrada da cidade. Parada obrigatória pro almoço no Supermercado Juliana. Um self-service a kg maravilhoso. Antes de voltar para Londrina, passe na padaria Roland e peça um croissant pra viagem. Fico com água na boca só de lembrar! Ou se preferir, coma um lanche prensado na Shanduella. O de frango acebolado é de comer rezando! Vale cada caloria. Taí mais uma comidinha ma-ra-vi-lho-sa de Rolândia.

Portal icônico de Rolândia

Obrigado, Londrina e Rolândia! Até a próxima! ❤️

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s